Colégio Genius

Colégio Genius

História

Nossa História

Nos idos de 1990, começa um movimento com o intuito de melhorar o ensino em Jaraguá. Alguns pais, insatisfeitos com os altos preços e com a pouca qualidade, juntaram-se para discutir os rumos que a educação tomava em nossa cidade. Após várias reuniões e conversas informais, o pequeno grupo decidiu pela criação de uma Cooperativa de Ensino, para ser a mantenedora do Colégio Genius. Naquele momento, chegou-se à conclusão de que era a única solução para viabilizar a questão, ou seja, uma entidade sem fins lucrativos e gestão democrática. Ali havia a certeza do aprimoramento da qualidade de ensino, salários melhores para os educadores e preços mais justos para os pais.

Desta forma, em 04 de dezembro de 1990, às 20 horas, no recinto do Salão Paroquial desta cidade de Jaraguá-GO, reuniram-se 31(trinta e uma) pessoas para constituírem, nos termos da legislação vigente à época, uma sociedade cooperativa com o nome de Cooperativa de Ensino de Jaraguá Ltda (COENJA), cujas cotas partes foram subscritas pelo valor de Cr$ 11.572,00 (onze mil, quinhentos e setenta e dois cruzeiros) cada uma, em moeda daquela época, o equivalente a 130 BTNF do dia, pelos seguintes sócios fundadores:

 

ADEGMAR BENTO PINTO

ADELAÍDE DA SILVA MOREIRA

ANTÔNIO EUSTÁQUIO

AYRTON EDUARDO DE CASTRO BASTOS

BENEDITO PEREIRA DA ROCHA SOBRINHO

BERENICE MACHADO LIRA DE MORAES

CARLOS ABADIA ASSUNÇAO PINTO

CARLOS ANTONIO PAIM

EDÉLCIO RODRIGUES DA CUNHA

EDÉSIO RODRIGUES DA CUNHA LIMA

EDUARDO PASCOAL ROCHA

EDUARDO RIOS CARDOSO

EDWARD PEDRO DA LUZ

GILMA GUIMARÃES CARNEIRO PINTO

GUILHERME RIOS FAYAD

ILDEVAN PEREIRA DA SILVA

JANE LUCRÉCIA DOS SANTOS PINTO

JOAQUIM TAVARES DOS SANTOS NETO

JOSÉ FRANCISCO DA SILVA

LÚCIO BENEDITO MARTINS

MANOEL GOMES PEREIRA DA SILVA

MARIA AGRIPINA PATROCÍNIO

MARIA DAS GRASSAS SILVA ÁLVARES

OMAR BATISTA PINTO

OTAVIO D´ABADIA E SILVA PINTO

PATRÍCIA RAMOS CARDOSO

PEDRO MAURÍCIO RIOS DA SILVA

RONALDO AVELAR

ROSALINA BARROS ASSUNÇÃO PINTO

TENTORINO JULIAO DE AMORIM

WILSON TEODORO DA SILVA

 

Dentre esses, alguns não acreditaram em sua própria criação, pois nunca matricularam seus filhos na “Escola da Cooperativa”, como foi chamada no início. Nessa mesma reunião, foram debatidos e aprovados, pelos cooperados fundadores, todos os itens do Estatuto da Sociedade, anteriormente elaborado, e ainda elegeram o Conselho de Administração, que, no mesmo instante, escolheu os membros da sua primeira Diretoria Administrativa e teve como primeiro presidente o Sr. EDÉSIO RODRIGUES DA CUNHA LIMA, quem, na época, ainda não tinha filhos, mas com mente aberta e visão voltada para o futuro, pensou nos filhos da comunidade jaraguense. Foi ele o grande mentor e idealizador da COENJA, criada exclusivamente para manter uma escola de ensino fundamental e médio que atenderia aos filhos dos associados.

Olá, deixe seu comentário para História

Enviando Comentário Fechar :/